Adolf Hitler

Adolf Hitler

Político e ditador alemão nascido em Braunau am Inn, Áustria, sistematizador do nazismo em seu livro Mein Kampf (Minha Luta, 1925-1927). O nazismo foi um movimento chauvinista de direita alemão, nos moldes do fascismo imperialista e belicista e cuja doutrina consistia numa mistura de dogmas e preconceitos a respeito da pretensa superioridade da raça ariana. Sem concluir os estudos de segundo grau em Linz, mudou-se para Viena (1908), onde o sonho de se tornar pintor foi truncado quando não conseguiu ingressar na Academia de Belas-Artes. Mudou-se para Munique (1913) e alistou-se no exército alemão quando da primeira guerra mundial e, ferido duas vezes em combate (1916/1918), foi condecorado com a Cruz de Ferro.

Terminada a guerra, continuou vinculado ao Exército e filiou-se ao Partido Alemão dos Trabalhadores (1919), que, um ano depois, passou a chamar-se Partido Nacional-Socialista Alemão dos Trabalhadores, o partido nazista. Assumiu a chefia absoluta da organização (1921) e, aproveitando-se do ressentimento dos alemães pela derrota sofrida na primeira guerra mundial, as idéias nacionalistas, os sentimentos anti-semitas e a crise econômica e social da década de ’30, promoveu a ascensão do partido nazista, sob sua liderança, ao poder, alcançado pelo voto (1932). Consolidado no poder auto-nomeou-se presidente, comandante supremo das forças armadas e Führer do Terceiro Reich (1934).

Iniciou sua sistemática perseguição a todos os grupos opositores, sobretudo os marxistas e os judeus. Criou a poderosa polícia política, a Gestapo, e ordenou a construção de numerosos campos de concentração. Organizou, ao mesmo tempo, uma avançada indústria de guerra que converteu a Alemanha no país mais bem armado da Europa e passou a se dedicar à consecução de seu sonho político: a expansão do Terceiro Reich pela Europa. Depois do plebiscito de união do Sarre à Alemanha, da anexação da Áustria e da ocupação da Tchecoslováquia, o ataque à Polônia provocou a declaração de guerra por parte do Reino Unido e da França.

O declínio da expansão nazista a partir da resistência dos soviéticos (1942) e com a entrada dos Estados Unidos no conflito. Com a iminente derrota da Alemanha refugiou-se com a mulher, Eva Braun, no Bunker, o abrigo subterrâneo da chancelaria em Berlim, ali se casaram e se suicidaram. Em obediência a suas ordens, os dois corpos foram encharcados com gasolina, queimados e enterrados nos jardins do quartel-general nazista. Porém seus restos foram trasladados para uma base militar em Magdeburg e, anos depois (1970), os despojos foram cremados para que não se tornassem foco de homenagem de neonazistas.

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: